ANTONIO TARANTINO

antonio_tarantino_aNasceu em Bolzano em 1938. Pintor auto-didacta decide, já depois dos seus cinquenta anos e sem saber bem porquê, começar a escrever para teatro. Os seus primeiros trabalhos Stabat Mater e Paixão Segundo João (publicados no nº11 da colecção Livrinhos de Teatro) ganharam o prémio Riccione, um importante prémio de escrita teatral. Em seguida escreveu Vésperas da Virgem Santíssima e Brilharetes. Estes quatro trabalhos que foram originalmente encenados por Cherif e receberam o prémio UBU em 1998, prémio que voltou a ser concedido a Tarantino (pelos Quatro Actos Profanos, em 2010). Escreveu Materiali per Una Tragedia Tedesca que repete a vitória do Riccione em 1997 e também a do prémio UBU já no ano 2000. Ainda em 2000, escreve Stranieri para o CSS de Udine. Entre 2000 e 2005 escreveu La Casa de Ramallah, La Pace, Trattato di Pace, Non é che Un Piccolo Problema. Para os Artistas Unidos, escreve A Coxa Vai Parir Mas o Bebé Quer Lá Saber de Nascer, integrado no espectáculo Conferência de Imprensa e Outras Aldrabices (em homenagem a Harold Pinter), levado à cena em 2004. Também pelos Artistas Unidos foi realizada uma leitura de A Casa de Ramallah, dirigida por João Meireles e integrada no Festival de Almada em 2004. Em 2005, Os Artistas Unidos estreiam Paixão Segundo João, com encenação de Jorge Silva Melo e com interpretações de Miguel Borges e Américo Silva. O espectáculo foi reposto em 2006. Stabat Mater estreia em 2006, também encenado por Jorge Silva Melo e com Maria João Luís. Em 2011, os Artistas Unidos regressaram a Tarantino com a produção Brilharetes com Tiago Nogueira e João de Brito. Entretanto, Tarantino passou a ter um grande reconhecimento quer em Itália quer em França, onde é montado com regularidade. Os seus textos mais recentes são Gramsci em Turi sobre os anos de prisão do grande teórico marxista e Cara Medeia, publicados na Ubulibri.

Do autor nos Livrinhos de Teatro:
Stabat Mater/ A Paixão Segundo João (nº11)
Vésperas da Virgem Santíssima/ Brilharetes (nº22)
A Paz e outros textos (nº55) (contém também os textos Tratado de Paz/ Exéquias Solenes)
Conferência de Imprensa e Outras Aldrabices (nº Especial com o texto A Coxa Vai Parir Mas o Bebé Quer Lá Saber de Nascer)

Nas Revistas Artistas Unidos:
A Casa de Ramallah (Revista nº 11)
O homem nunca se basta a si próprio - Entrevista ao autor (Revista nº 12)
“São os tristes, os vis, os oprimidos” - António Tarantino na capela das Mónicas - por Jorge Silva Melo (Revista nº 18)
Escrever só quando é necessário, quando a coisa tem de ser escrita - Conversa com o autor (Revista nº 18)
Profano e Sagrado - por José Tolentino Mendonça (Revista nº 18)
O caso Tarantino - por Elena De Angeli (Revista nº 18)

Com os Artistas Unidos:
2004
- OS TEATROS QUE VÊM DE ITÁLIA , leitura pública de A Casa de Ramallah dirigida por João Meireles (Festival de Almada, 2004).
2005 - CONFERÊNCIA DE IMPRENSA E OUTRAS ALDRABICES com o texto A Coxa Vai Parir Mas o Bebé Quer Lá Saber de Nascer, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Nacional D. Maria II).
2006 - PAIXÃO SEGUNDO JOÃO de Antonio Tarantino, encenação de Jorge Silva Melo (Convento das Mónicas); STABAT MATER de Antonio Tarantino, encenação de Jorge Silva Melo ( Convento das Mónicas).
2011 - BRILHARETES (Lustrini) de Antonio Tarantino, um espectáculo de João de Brito e Tiago Nogueira com a colaboração de Jorge Silva Melo (Centro Cultural do Cartaxo).
2013 - A PAZ de Antonio Tarantino com a colaboração de Jorge Silva Melo (Teatro da Politécnica).
2014 - A CASA DE RAMALLAH de Antonio Tarantino, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro da Politécnica).

Teatro da Politécnica

ARTISTA DO MÊS fevereiro 18 prog ARTISTA DO MÊS
Maria Bernardino
dramaticulos prog DRAMATÍCULOS
de 22 a 24 de Fevereiro
O Teatro da Amante Inglesa prog O TEATRO DA AMANTE INGLESA
de 7 de Março a 14 de Abril
desenhos com cor prog DESENHOS COM COR
de 7 de Março a 14 de Abril

Bilheteira

3ª a Sáb. das 17h00 até ao final do espectáculo

Preços:
Normal | 10 Euros
Descontos | estudantes | – 30 | + 65 | Grupos >10 | Protocolos | Profissionais do espectáculo | Dia do espectador (3ª) - 6 Euros

Bilhetes à venda

No Teatro da Politécnica, Reservas | 961960281, www.ticketline.sapo.pt, Fnac, Worten, C. C. Dolce Vita, El Corte Inglês, Casino Lisboa, Galeria Comercial Campo Pequeno, Lojas Viagens Abreu e INFORMAÇÕES/RESERVAS: Ligue 1820 (24 horas).

E fora da Politécnica

O GRANDE DIA DA BATALHA prog O GRANDE DIA DA BATALHA variações sobre o ALBERGUE NOCTURNO de Máximo Gorki
No Teatro Nacional D. Maria II de 18 de Janeiro a 25 de Fevereiro
fragil 1 prog FRÁGIL
Em Évora, n'A Bruxa Teatro a 2 de Março
Em Sobral de Monte Agraço, no CineTeatro Sobral a 28 de Abril
a voz dos poetas prog A VOZ DOS POETAS
Na Biblioteca da Imprensa Nacional
2 de Abril - Adolfo Casais Monteiro por Jorge Silva Melo e Luís Lucas
9 de Maio - Gomes Leal por Jorge Silva Melo e Manuel Wiborg
EM VOZ ALTA prog EM VOZ ALTA os nossos poetas

Livrinhos de Teatro

capa114

SEM ALARDE
de Owen McCafferty
Livrinhos de Teatro nº114 Artistas Unidos/Cotovia

Livraria online »»

Subscrever Newsletter